Sheldon e Maria - Pedra da Macumba

Sobre

Read in English

Sheldon Led, Brasileiro, Casado com a Maria de Fátima, trabalha com programação web e é um corredor (bem amador) nas horas vagas.

Não vou falar na terceira pessoa porque só eu escrevo nesse blog, então fica meio estranho falar sobre mim dessa forma. Então lá vai de primeira pessoa mesmo: Sempre gostei de tudo um pouco. É assim na música, é assim na ciência e é assim com filmes e outras coisas. Talvez esse seja o principal motivo de eu ter mudado de ideia dezenas de vezes antes de prestar vestibular para Engenharia da Computação.

No meio do curso eu abandonei a faculdade, porque estava numa crise doida de identidade, e quis me afastar qualquer tipo de atividade que eu tinha na época. Esse momento meio underground da minha vida durou mais ou menos um ano, e em 2012 voltei a faculdade, cursando Sistemas de Informação (uma mudança não tão grande né?) e finalmente me formei, em 2015.

Já passei por várias épocas na minha vida. Nasci em São Paulo – SP, mas aos cinco anos de idade vim morar em Goiânia – GO. Passei parte da minha infância brincando na rua, mergulhando em livros (principalmente os da série vagalume) e nunca tive um super nitendo (ou qualquer video game legal). No ensino médio eu comecei a tocar trompete em banda marcial, depois passei a tocar violino (que já havia aprendido previamente na igreja) em orquestra, mas desde 2011 não pratico meus hobbies musicais.

Em 2008 eu entrei na faculdade, e minha vida ficou muito focada em blogs, livros e artigos de informática. Palestrei em uns dez eventos diferentes desde então e já fiz isso mais de vinte vezes, além de ajudar na organização de alguns destes eventos. Queria aprender de tudo um pouco, o que as vezes atrapalhava. Bom, na minha época longe da faculdade eu li qualquer coisa sobre qualquer assunto, sabia um monte de curiosidades mas nada que fosse realmente garantir um bom emprego, foi quando resolvi voltar a estudar igual gente grande.

Em 2011 eu conheci minha gata, em 2012 eu noivei com ela e em 2013 nos casamos. Eu engordei um bocado e resolvi emagrecer em 2014. Comprei uma bike, mas não consegui uma frequencia boa de pedaladas, foi aí que, aos poucos, fui conseguindo praticar a corrida. Venci um trauma de infância. Não fazia nada que precisasse correr por muito tempo, pois precisava descansar a cada 200 metros de corrida. Hoje eu já corri uma meia-maratona, meus treinos variam de 5 a 15 quilômetros e, de quebra, deixei de ser gordinho.

Como nunca gostei de futebol, precisava arrumar um esporte para chamar de meu. Finalmente acho que o encontrei: Corrida de rua! Participei de várias provas de 5km, 10km e uma meia-maratona (21,1km). Também quero retomar outros hobbies que tinha, como ler e tocar violino. Eu acho que agora você sabe bastante sobre mim, não sei se isso vai ser útil na sua vida, mas o ser humano adora saber da vida alheia né? Se isso fosse mentira, não existiriam tantas redes sociais. E por falar em Redes sociais, segue algumas que eu estou lá: